Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Nascentes revitalizadas levam água a mais de 500 pessoas em Maribondo
22/02/2016 - 09h03m

Nascentes revitalizadas levam água a mais de 500 pessoas em Maribondo

Secretário Alexandre Ayres entregou na sexta-feira as nascentes revitalizadas

Nascentes revitalizadas levam água a mais de 500 pessoas em Maribondo

Antes de o programa se instalar na comunidade, as famílias relatavam que a situação era precária e a água consumida por eles tinha procedência completamente duvidosa

Texto: Nigel Santana

Fotos: Júnior Santana

 

Mais de 500 pessoas residentes na comunidade de Santa Rosa, no município de Maribondo, estão consumindo água de qualidade graças à continuidade do Programa de Recuperação de Nascentes, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Semarh). Na sexta-feira (19), o secretário Alexandre Ayres esteve na cidade para fazer a entrega de três nascentes completamente revitalizadas.

 Antes de o programa se instalar na comunidade, as famílias relatavam que a situação era precária e a água consumida por eles tinha procedência completamente duvidosa. De acordo com o secretário Alexandre Ayres, a obra tocada pela Semarh muda completamente o cenário social.

 

 

“O programa de Recuperação de Nascentes vem sendo ampliado desde o ano passado pela Semarh. Quando identificamos no município de Maribondo que existia uma carência no abastecimento de água, encaminhamos os nossos técnicos para revitalizar as três nascentes e canalizar o recurso hídrico para que os moradores tenham acesso ao líquido em suas residências”, discursou o secretário durante a entrega da obra.

 Alexandre Ayres deixou evidente que o objetivo da Semarh é seguir investindo em obras estruturantes em diversas regiões do estado, incentivando à preservação do meio ambiente.

 Para se ter uma ideia do trabalho que é feito durante o processo de revitalização da nascente, existe a necessidade de isolar e revitalizar a área, além de realizar o plantio de mudas naturais da região a fim de proteger o corpo d´água de animais, que, consequentemente, podem contaminar a água.

 Posteriormente, uma tubulação própria para a passagem de água foi instalada de maneira segura e higienizada. A água da nascente será armazenada em caixas d´água de polietileno em substituição aos reservatórios de amianto, que estão proibidos por lei.

 O técnico da Semarh e o executor do programa, Adolfo Barbosa destaca que após as ações na comunidade Santa Rosa levou uma série de melhorias, dentre elas, a vazão que era de 200 litros por hora está atualmente em 850 litros por hora.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-01.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-02.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner-transparencia.png

ANA

OUVIDORIA SEMARH 2.png.jpeg

boletim-hidrologico.png

residuos solidos.png.jpeg

BannerBlog.png

IMA